GK University - шаблон joomla Создание сайтов

Seminários

Tecnologia da Informação e Controle Externo - Experiências e perspectivas para aperfeiçoamento da fiscalização

Tribunal de Contas de Pernambuco e a Escola de Contas Professor Barreto Guimarães promoveram nos dias 1 e 2 de dezembro o Seminário "Tecnologia da Informação e Controle Externo - Experiências e perspectivas para aperfeiçoamento da fiscalização".No Seminário, foram apresentados temas relacionados ao controle externo da Tecnologia da Informação e a sua aplicação para incremento das ações de fiscalização com o objetivo de alavancar o debate sobre o novo desafio que se impõe aos órgãos de controle: o de bem fiscalizar os contratos, os sistemas, os dados, a gestão e o uso dos recursos de TI de uma administração pública cada vez mais informatizada.

A gerente de Auditoria de TI, Regina Ximenes, destacou que o Seminário foi uma excelente oportunidade para compartilhar com os demais Tribunais a experiência dos trabalhos realizados em auditoria de TI pelo TCE/PE.

Em 2011, a GATI(Gerência de Auditoria de Tecnologia da Informação), com parceria com a ASPIN, realizou o projeto piloto de auditoria informatizada de pessoal que analisou e cruzou dados de folhas de pagamento (mais de 11 milhões de contracheques), referentes aos exercícios 2009 e 2010, das 184 Prefeituras e 184 Câmaras dos municípios do Estado, além da folha dos inativos e pensionistas e da administração direta e indireta estadual.

Esse trabalho é inédito, não se tendo notícias de nenhum outro Tribunal de Contas no Brasil que tenha realizado uma auditoria de tamanha abrangência em folhas de pagamentos de jurisdicionados, explicou a gerente da GATI. Até o momento, já foram produzidos mais 300 (trezentos) relatórios de auditoria de acompanhamento e o valor total auditado importa em mais de R$ 14 (quatorze) bilhões.

O Seminário, concluído com sucesso, revestiu-se de fundamental importância na medida em que mostrou também a necessidade de os órgãos de controle contribuírem com suas ações para induzir a melhoria da governança de TI dos órgãos e entidades da Administração Pública, objetivando assegurar não somente a boa aplicação dos recursos públicos na área de TI, mas também que a tecnologia da informação seja bem gerenciada e agregue valor ao negócio da Administração Pública, em benefício da sociedade.

O tema do Seminário despertou muito interesse a um número representativo de órgãos e entidades da Administração Pública, em todas as esferas de governo. Ao todo foram mais de 250 (duzentas e cinquenta) inscrições. Dentre este número de inscritos, destacam-se 46 servidores de outros 14 Tribunais de Contas de todas as regiões do pais.

  • Da região Norte: TCE do Amazonas, do Acre e de Rondônia;
  • Da região Nordeste: TCE do Piauí, da Paraíba e TCE e TCM da Bahia;
  • Da região Centro-Oeste: TCU, TCE de Goiás e de Mato Grosso;
  • Da região Sudeste: TCE do Rio de Janeiro e de Minas Gerais
  • Da região Sul: TCE do Rio Grande do Sul e do Paraná.

 

Gerência de Jornalismo (GEJO), 05/12/11

Última modificação emTerça, 24 Maio 2016 11:22

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.